OS AMIGOS UNIDOS

4º F EB1/JI de Alvide- Cascais

A Hug (Um abraço)

Vamos conhecer... a Holanda!

Neste mês de Janeiro estamos a descobrir o meio local,o nosso país e que no mundo há muitas culturas diferentes da nossa, com diferentes línguas, gastronomia, tradições e até habitações!...
Convidámos as nossas famílias a participar nestas nossas descobertas e,
esta Sexta-feira (14/01/2011), a Dona Susete, mãe do nosso colega Tomás Gonçalves, aceitou o desafio e veio à nossa sala.
Ajudou-nos a conhecer melhor um admirável país europeu: a Holanda!
Começámos por procurar a sua localização no mapa.



Depois, a Dona Susete ensinou-nos muitas coisas e respondeu a MUITAS perguntas!
Aqui ficam, em imagens, alguns dos temas sobre os quais aprendemos:



























´




Dá vontade de lá ir, não dá? Nós também achámos!

A língua falada na Holanda é o holandês. Neste livro, sobre um pintor de que a Dona Susete gosta muito, vimos como as palavras são tão diferentes das nossas!



Foi uma tarde muito bem passada, em que viajámos para o país das tulipas.
Obrigada Dona Susete por tudo o que nos ensinou! É sempre muito bem vinda!

Dia de Reis

O Dia de Reis celebra-se a 6 de Janeiro.
Assinala a data em que os três Reis Magos (Gaspar, Belchior - ou Melchior - e Baltasar) foram visitar e dar oferendas ao Menino Jesus.Deram-lhe ouro, incenso e mirra.
Em alguns países, especialmente nos países hispânicos, é tradição dar as prendas (de Natal) às crianças neste dia.
Em Portugal,nesta altura, cantam-se as Janeiras, come-se bolo-rei, as crianças lembram a história dos Reis Magos e fazem coroas bem bonitas.


História dos Reis Magos





Num país distante viviam três homens sábios que estudavam as estrelas e o céu. Um dia viram uma nova estrela muito mais brilhante que as restantes, e souberam que algo especial tinha acontecido.
Perceberam que nascera um novo rei e foram até ele.
Os três reis magos, Gaspar, Melchior e Baltazar, levavam presentes, e seguiam a estrela que os guiava até que chegaram à cidade de Jerusalém.
Aí perguntaram pelo Rei dos Judeus, pois tinham visto a estrela no céu.
Quando o rei Herodes soube que estrangeiros procuravam a criança, ficou zangado e com medo. Os romanos tinham-no feito rei a ele, e agora diziam-lhe que outro rei, mais poderoso, tinha nascido?
Então, Herodes reuniu-se com os três reis magos e pediu-lhe para lhe dizerem quando encontrassem essa criança, para ele também a ir adorar.
Os reis magos concordaram e partiram, seguindo de novo a estrela, até que ela parou e eles souberam que o Rei estava ali.
Ao verem Jesus, ajoelharam e ofereceram-lhe o que tinham trazido: ouro, incenso e mirra. A seguir partiram.
À noite, quando pararam para dormir, os três reis magos tiveram um sonho. Apareceu-lhe um anjo que os avisou que o rei Herodes planeava matar Jesus.
De manhã, carregaram os camelos e já não foram até Jerusalém: regressaram à sua terra por outro caminho.
José também teve um sonho. Um anjo disse-lhe que Jesus corria perigo e que ele devia levar Maria e a criança para o Egipto, onde estariam em segurança. José acordou Maria, prepararam tudo e partiram ainda de noite.
Quando Herodes soube que fora enganado pelos reis magos, ficou furioso. Tinha medo que este novo rei lhe tomasse o trono.
Então, ordenou aos soldados para irem a Belém e matarem todos os meninos com menos de dois anos. Eles assim fizeram.
As pessoas não gostavam de Herodes, e ficaram a odiá-lo ainda mais.
Maria e José chegaram bem ao Egipto, onde viveram sem problemas.
Então, tempos depois, José teve outro sonho: um anjo disse-lhe que Herodes morrera e que agora era altura de regressar com a família a Nazaré à sua casa.
Depois da longa viagem de regresso, eles chegaram enfim ao seu lar.


As Janeiras





Em Portugal cantam-se as Janeiras, a 6 de Janeiro, no Dia de Reis e, no mesmo dia, cantam-se em Espanha os Villancicos, geralmente acompanhados por pandeiretas e castanholas.
As Janeiras são uma tradição antiquíssima!
Formam-se grupos pequenos ou com dezenas de elementos que cantam e animam as localidades, indo de casa em casa ou colocando-se num local central (esta é uma versão mais recente), desejando de uma forma tradicional um bom ano a todos os presentes.
Nos grupos de janeireiros, toca-se pandeireta, ferrinhos, tambor, acordeão e viola, por exemplo.
Em muitas aldeias esta tradição mantém-se viva, especialmente no Norte de Portugal e nas Beiras:
"Nesta altura juntam-se os amigos que vão cantar as janeiras a casa dos vizinhos. Antigamente recebiam filhoses, vinho e outros artigos que as pessoas possuíam" conta António Manuel Pereira, presidente da Federação de Ranchos Folclóricos da Beira Baixa.
No entanto, cantar as Janeiras ainda se faz um pouco por todo o País.
As pessoas visitadas eram (são) normalmente muito receptivas aos cantores e aos votos que vêm trazer, dando-lhes algo e desejando a todos um bom ano.
Mas há sempre alguém mais carrancudo que não recebe bem os janeireiros. Então, às pessoas que abrem "bem" a porta canta-se assim:


Esta casa é tão alta
É forrada de papelão
Aos senhores que cá moram
Deus lhe dê a salvação.

E aos que não abrem a porta canta-se uma canção a dizer que os janeireiros estão zangados, porque as pessoas não lhe abrem a porta. É assim:


Esta casa é tão alta
É forrada de madeira
Aos senhores que cá moram
Deus lhe dê uma caganeira.


No fim os janeireiros fazem um petisco: bebem vinho e comem os chouriços assados.


Aqui ficam os reis mais lindos de Janeiro:



HOME

Amor a Portugal

Distritos de Portugal

Cascais

PAINEL DE INFORMAÇÃO

Atendimento aos Encarregados de Educação:

- primeiras quartas feiras do mês (marcação na caderneta)

Fichas de Avaliação Mensal de outubro

Língua Portuguesa: 24 (segunda-feira)

Expressão Plástica: 25 (terça-feira)

Matemática: 26 (quarta-feira)

Estudo do Meio: 28 (sexta-feira)

Seguidores

Número total de visualizações de página